domingo, 11 de dezembro de 2016

A Ziggy na comic con 2016



A Ziggy Brown esteve na Comic Con 2016 e adorou a experiência!
Estive no espaço spotlight e aproveitei para interagir com o publico.
é sempre estimulante o contacto com outros profissionais e fãs deste anime "espacial".
Aqui fica o video da reoportagem para recordar mais um bom momento.



sábado, 1 de outubro de 2016

É agora: Vamos avançar com a animação!





Há quase um ano lançávamos  a primeira aventura da Ziggy Brown (a viagem de autodescoberta), agora segue-se a animação. Não percam as grandes novidades e surpresas nos próximos meses.


Até lá!

domingo, 24 de julho de 2016

A apresentação da Ziggy no Central Comics Fest

O público foi fantástico. Um grande bem haja!













Ziggy Brown e o mundo eclético de David Bowie




Em outubro de 2015 lançamos (eu e Ana Quirino) o livro Ziggy Brown e os felinos de Vénus . A viagem tem sido longa e repleta de desafios. Já existe guião da longa metragem e agora vai ser trabalhado o guião de uma serie (episódio piloto). Mais orgulhosos não poderíamos estar. Mas vamos à música?

Ziggy Brown e os felinos de Vénus é um vivo produto de cultura pop . Bebe muita influência musical . Desde Velvet Underground , passando por Joy Division , aos mais recentes Arcade Fire. Sonoridades mais kitch também entram: Nik Kershaw , Bangles, Bananarama, Baltimora….

No entanto, a figura chave é David Robert Jones. Continuo encantada pela sua proficua criatividade. A capacidade de se revelar em contínuos alter egos é fenomenal. E foi essa magia que tentei transmitir no conto “Ziggy Brown e os felinos de Vénus; A viagem de autodescoberta”.

Muitas músicas do camaleão do rock integram a banda sonora desta primeira aventura. Vamos à música, então! É desta!

Wild is the wind

é das musicas mais belas de david bowie. Romântica, envolvente e melancólica . Bem ao jeito de ziggy brown e captain sakura.

Let´s dance

Este homem era imparável. Tanto apresentava canções mais “ácidas” como também mainstream . Let´s dance é o caso. Perfeita para as hilariantes festas pop do Akira.

Who can I be now

Provavelmente a canção chave da nossa felina favorita. Sempre em processo de autodescoberta.

Heroes

“We can be heroes...forever and ever”Pode ser assim resumida a história de Ziggy com Captain.


sábado, 23 de julho de 2016

A ziggy no Central Comics Fest

A jornada da primeira aventura da Ziggy Brown está quase a completar um ano e não poderíamos estar mais orgulhosos.

Caminhamos, em meses, da escrita para a animação. Spots foram criados . Um com o encontro entre a Ziggy  e o Captain. O outro sobre o conto em geral , com a fantástica voz de Jorge Brandão. Sempre com o imaginário de David Bowie "metido ao barulho!" E ainda bem.

A longa metragem está escrita pela autora do conto, Irene Leite. Agora está a ser elaborada uma adaptação para serie . Mais um guião. Vamos a isto!

domingo, 24 de abril de 2016

O lendário mestre Nakamuki

Nakamuki by Vitor Rocha

O capitulo referente ao lendário Mestre Nakamuki está associado à aventura nº 2 da felina mais espacial de Vénus. Refiro-me a "Uma Noite em Bangkok", onde o enredo complexifica-se. Aqui já entram as artes marciais e os grandes rivais da Ziggy Brown e companhia: o gangue kejam, liderado por Suzuki e Yamamoto! 

 Este excerto da aventura nº 2 vai ser transformado em BD muito brevemente por Vitor Rocha , sob a orientação de Ana Quirino. Um trabalho que nos orgulha e entusiasma bastante. Vamos a isto!

Era uma vez...again!

 Estava um lindo dia de sol. Ziggy e Captain namoravam. Abraçados nem sentiam o dia passar. Basicamente estavam a recuperar todo o tempo perdido . Afinal de contas, durante 20 anos Captain esteve sempre sob a sua forma de leão e com ar severo. A sua personalidade doce e o seu ar charmoso ficaram na gaveta até a menina Moon Brown completar 20 anos e seguir para a mais louca viagem de sempre : o planeta Terra. Mas em que parte iamos? Ah, a melhor. A dos beijos e abraços trocados em pleno coração de Tulipas em Zooropa, Vénus.
Ziggy, ZIGGY, acorda!
-Ai, o que foi Prometeus?
-Vida a correr, minha menina. Mas já agora, em que estavas a pensar?
-Em como seria a minha vida com o Captain, se a magia de Vénus não lhe tivesse apagado a memória . Estava num sonho bonito. Bah! Agora ele está como aquela música do Morrissey : The Last of the famous International Playboys. Como eu odeio isso.
-Tens de te concentrar na tua missão , rapariga! Quanto ao Captain , tudo se resolve. O amor reconquista-se .
-Não estou a ver como.
-Tu tens que estar concentrada no que interessa agora: salvar o planeta Terra, perdida em vicios. E o prazo está a acabar!
-Sim, agora o tempo encurtou: seis meses! Eu sei que tenho de aprender artes marciais . Mas antes disso, posso desabafar um pouco?
-Aqui a coruja Freud ao serviço de sua excelência "espacial"....
-"Arigato". Não percebo o encanto do Captain com a Suzuki. Repara , ontem mesmo ele era o  meu marido. Hoje é um perfeito desconhecido , interessado numa mulher de sapatos vermelhos afiados. Aliás, tenho de investigar ao pormenor essa "mulher".
-Perdoe-me a interrupção, menina. TENS DE INVESTIGAR MESMO, CACHOPA! Até enervas uma pobre coruja.
-Que é alcoolica nas horas vagas....
.-MENINA
-Quem precisa de terapia agora ? Bem, continuando , sei que o gangue Kejam é perigoso. Captain está desconcentrado e encantado, por mais que me custe admitir, essa é a grande verdade. A Suzuki é uma ameaça grave.
-Bingo, miuda! Tens que trabalhar nos dois sentidos, capiche?
-"Capisco".
-E agora depois do desabafo , estás pronta para as artes marciais ? Miss Ziggy Irley Moon Brown , chegou a hora!
-Bora lá então, senhor Prometeus.
-Na. Eu serei o senhor da motivação. Mas quem te vai treinar é o lendário mestre NAKAMUKI,  sim em caps lock. Um homem que transpira sabedoria e força. Apesar de já ter 70 anos, leva na bagagem heróica inumeras batalhas contra o gangue kejam , e adivinha: venceu sempre. Não há melhor mentor para ti, Ziggy...está na hora!
E nisto aparece um senhor com cara de poucos amigos. Era Nakamuki. De longa barba branca, careca , com o seu kimono pronto para a luta,  caminhava humildemente. Apresentava um ar sério, pouco dado a sorrisos. Mas tinha o mais importante: um coração de ouro. Era o melhor amigo de Miyazaki, o pai de Ziggy Brown. Foram companheiros em inumeras batalhas pela justiça em Vénus. Foi dos poucos que ultrapassou a fronteira de zooropa para salvar felinos raptados pelo gangue kejam, sempre maléfico. E foi pela amizade e enorme respeito a Miyazaki que Nakamuki aceitou a dificil missão de treinar Ziggy. Prometeus bem lhe avisou dos problemas motores da menina Moon Brown. Ziggy era excelente em humanidades , mas a nivel prático só mesmo para dançar. Péssima em reflexos e coordenação motora. Nakamuki teria de ter muita paciência. Não é fácil....
-Então tu é que és a Ziggy Irley Moon Brown. Parabéns, antes de mais,  pelo teu exímio processo de autodescoberta.
-Muito obrigada, mestre. E obrigada por ajudar-me. Não vai ser fácil.
-Já sei. Menina , afasta-te um pouco para a esquerda.
Ziggy foi para a direita.
-Xi, começa bem, disse Prometeus. ah ah
-Não me expliquei bem, aproxima-te um pouco.
Ziggy andou de lado.
Prometeus já rebolava no chão.
CONTINUA....